Alunos de Medicina Veterinária realizam mais uma Cirurgia Cardíaca

 

Os alunos Augusto Estefano, Bruna Soares, Everson Alves, Mário Roberto e Murilo Oliveira do curso de Medicina Veterinária, realizaram importante cirurgia cardíaca de Persistência do Ducto Arterioso (PDA) na cadelinha, Canela.  Essa mesma Cirurgia já foi realizada anteriormente no nosso Hospital Veterinário – HOVET, pelos alunos do Núcleo de Estudos de Pequenos Animais, que tiveram sucesso em salvar a vida da cadela “Beer”.  

 

 

Vamos entender o que é a Persistência do Ducto Arterioso (PDA)

Na gestação canina, os pulmões do feto ainda estão inativos e para que ele consiga oxigênio adequadamente, a cadela passa o oxigênio através do cordão umbilical, que fica ligado à placenta do feto, à placenta da cadela e o endométrio. A aorta é ligada à artéria pulmonar por meio de um vaso conhecido como ducto arterioso, pelo qual o sangue oxigenado é desviado dos pulmões, fluindo diretamente da placenta materna para o corpo do feto.

Quando o feto nasce há expansão dos pulmões e um aumento da PO², que contribui para o fechamento do ducto arterioso e sua transformação em ligamento arterioso. O ducto pode ficar aberto nos filhotes com menos de quatro dias de idade e em geral está fechado entre sete e dez dias após o nascimento. Quando alguma coisa dá errado e o ducto não se fecha, se caracteriza a Persistência de Ducto Arterioso (PDA) ou Ducto Arterioso Patente, com a necessidade de intervenção cirúrgica rápida.

Nesse caso, a Canela, da raça Spitz Alemão de 04 meses. Logo, ela foi encaminhada para o exame de ecocardiograma e passou por todos os procedimentos necessários do pré-operatório. O caso foi analisado e acompanhado pelos alunos, e a cirurgia foi executada através de uma equipe cirúrgica, montada especificamente para esse caso.

 

 

Os integrantes da equipe cirúrgica são:

Professor Cirurgião: Medico Veterinário Guilherme Kanciukaitis

Professora Clínica Médica:  Medica Veterinária Fabiana Volkweis 

Anestesista: Medica Veterinária Josiane Almeida Sales

Alunos do 7°, 8° e 9° período:(em ordem alfabética)

Augusto Estefano

Bruna Soares Ros

Everson Alves dos Santos

Mário Roberto Vianna da Silva

Murilo Oliveira

 

Depois de todo procedimento de estudo do caso, a cirurgia foi executada com sucesso. A Canela está sob observação por uma equipe pós-cirúrgica, montada exclusivamente para esse caso. Os alunos que participaram adquiriram muita experiência para suas profissões por participarem de um plantão com um caso de PDA. 

 

Fique atento

Você, que tem cachorro, deve ficar atento, pois o tratamento medicamentoso para PDA não é curativo, sendo a correção cirúrgica recomendada em todos os casos, com desvio da esquerda para a direita, em animais com menos de 2 anos de idade ou com mínimos riscos anestésicos.

 

Momentos da Cirurgia

 

  

  

  

Link para Galeria de Fotos disponível nos cartazes de divulgação da cirurgia,  espelhados pelo Campus.